Brasil

“CIDADE DE SÃO PAULO NÃO TEM PREFEITO”, DENUNCIA CACIQUE TUCANO

Publicado dia 07/10/2017 às 08h36min
O vice-presidente nacional do PSDB e ex-governador de São Paulo, Alberto Goldman, divulgou nas redes sociais um vídeo histórico.

O mais duro ataque ao prefeito de São Paulo, João Doria, partiu do vice-presidente nacional do PSDB, Alberto Goldman, que colocou o dedo na ferida e apontou o que todos já sabem: a maior cidade do País não tem um prefeito, mas sim um candidato à presidência da República, que abandonou a metrópole para fazer campanha antecipada; "Viaja por todos os lugares. Todas as cidades, todos os Estados e todos os países. Diz que está trazendo alguma coisa para São Paulo. Não está trazendo nada. Até agora nada e nem vai trazer nada", diz Goldman, que denuncia ainda fraudes nas licitações conduzidas por Doria; "Os editais estão predeterminados para as empresas que vão ganhar. Todos são dirigidos. Esse é o homem que se diz puro, limpo e gestor" .

Nele, Goldman coloca o dedo na ferida e aponta o que todos já sabem: a maior cidade do País não tem um prefeito, mas sim um candidato à presidência da República, que abandonou a metrópole para fazer campanha antecipada.

"Viaja por todos os lugares. Todas as cidades, todos os Estados e todos os países. Diz que está trazendo alguma coisa para São Paulo. Não está trazendo nada. Até agora nada e nem vai trazer nada", diz ele.

Goldman também denuncia fraudes nas licitações conduzidas por Doria. "Os editais estão predeterminados para as empresas que vão ganhar. Todos são dirigidos. Esse é o homem que se diz puro, limpo e gestor".

Doria diz que processará Goldman, mas será derrotado, porque o vice-presidente tucano se limitou a dizer verdades. Em um vídeo postado na manhã deste sábado, o prefeito, com grosseria, chama o ex-governador de "fracassado".

Fonte: Redação com 247