Paraiba

Esquecendo a crise prefeito de Campina gasta mais de R$ 360 mil com locações de seis imóveis

Publicado dia 10/10/2017 às 18h05min
Segundo os dados do Sagres, a maioria das locações não possuem ligação com as finalidades administrativas. O valor geral gastos com locações de imóveis é de R$ 368.760,00.

Enquanto a maioria das prefeituras brasileiras e paraibanas buscam como foco a redução de gastos, seja através da redução de cargos comissionados, diárias e locação de imóveis, o prefeito de Campina Grande, Romero Rodrigues (PSDB) vai na contramão e já investiu R$ 368.760,00 em locação de imóveis este ano.

A rede de locações de imóveis feitos por Romero compreende gastos de R$ 187.200,00 para locação do imóvel para a sede do gabinete do prefeito situado Avenida Rio Branco, n 304, centro, município de Campina; A locação do imóvel situado na Rua Capitão Joao Alves de Lira, n 295, bairro Prata, município de Campina Grande, no valor de R$ 28.800,00; Imóvel para a sede da Coordenadoria de Comunicação (Codecom), situado na Rua Nossa Senhora de Lourdes, n 66, no bairro do Jardim Tavares no valor de R$ 35.160,00; Locação do imóvel para a sede da base comunitária, situado na rua Arnaldo Luiz de melo, n 72, Distrito; Locação de imóvel situado na Rua Duque De Caxias, n 83, bairro Centenário, em Campina Grande, por R$ 48.000,00 e a locação do imóvel situado na Rua Deputado Álvaro Gaudêncio, n º 278, Centro de Campina Grande, na quantia de R$ 60.000,00.

Segundo os dados do Sagres, a maioria das locações não possuem ligação com as finalidades administrativas. O valor geral gastos com locações de imóveis é de R$ 368.760,00. Recentemente o Ministério Público (MP) recomendou que os gestores públicos, analisem, com cautela, o interesse público no pagamento de contratos de aluguel referente aos imóveis sem qualquer relação com as atividades específicas da administração pública.

Fonte: Redação